Como Fazer

Como fazer um currículo

Como fazer um currículo? Fazer um bom currículo é o primeiro passo para conseguir o emprego tão desejado. Ele precisa ter as informações necessárias para que uma empresa analise seu perfil e te contrate, ou ao menos te contate. Um bom currículo tem que ter: os dados pessoais; objetivo; habilidades e competências; experiência profissional; formação acadêmica; idiomas e informática. É preciso se manter objetivo na hora de montar o currículo, o documento deve ter no máximo duas folhas e sem fotos, a não ser que se peça, e se estiver procurando primeiro emprego é importante ressaltar qualidades adquiridas durante a formação.

Como fazer um currículo

Dados Pessoais – Preencha com seu nome completo, idade, estado civil e contatos, quando for número para recados deixe a pessoa encarregada de receber recados, avisada e preparada para anotar informações importantes. Coloque um e-mail com endereço correto e atualizado, atenção aos e-mails pessoais que além de não serem pertinentes para um selecionador, podem não passar credibilidade. (Ex: bruninhasimpatica@…)

Objetivo – Colocar o cargo e área que pretende se candidatar. Preste atenção nesta informação, pois o objetivo deve estar condizente com a vaga que está concorrendo. O ideal é colocar apenas um objetivo,  com vários objetivos o recrutador pode entender que você não sabe o que quer. Bons exemplos de Objetivo são: Estágio em Comunicação | Analista Jurídico | Analista de RH.

Habilidades e Competências – Coloque o que é importante para o cargo, as experiências, habilidades e cursos pertinentes para que o selecionador se interesse rapidamente por seu currículo.

Experiência Profissional – Certifique-se de inserir o nome das empresas, cargo e período em que trabalhou. Caso opte por colocar as responsabilidades em cada experiência seja objetivo e sucinto. Coloque as experiências da mais recente para as mais antigas.

Formação Acadêmica – Insira o nome da Instituição de Ensino, curso,  data de início e término.

Idiomas – Aqui, preencha com o nível de cada idioma, lembre-se que se for necessário para o cargo, você será testado e deverá comprovar o nível declarado.

Informática – Coloque o curso e nível e seu conhecimento técnico das ferramentas de informática e internet. Seja sincero, pois quando as vagas necessitam de algum programa específico testes podem ser aplicados.

Outras informações – Neste campo, o candidato pode informar experiências internacionais e trabalhos voluntários. Atividades feitas fora do horário de trabalho podem ser citadas, desde que tenham relação com o emprego ou destaquem as qualidades do profissional.

E mais importante que isso, vou citar exemplos do que não colocar em seu currículo: – Foto (Só deve ser enviada quando empregador solicitar); Número de documentos; Título “currículo vitae” ou “currículo”; Pronomes pessoais (Ao invés de colocar “eu desenvolvi um projeto” substitua por “desenvolvimento de projeto”); Informações negativas (Profissionais que não possuem algum tipo de conhecimento não devem colocar essa informação. A melhor opção é não informar nada); Nome de pais, marido ou esposa e filhos; Referências pessoais (Contatos de pessoas que podem falar sobre o profissional não devem ser indicados); Motivo de saída de empregos anteriores; Pretensão salarial; Cartas de referência; Certificados de cursos realizados e Data e assinatura.

Saiba como atualizar boleto Santander
Como fazer um currículo

Inúmeros motivos podem levar o cliente a necessitar de saber Veja mais

Jogo da Roleta que ganha dinheiro? Conheça a Blaze
Como fazer um currículo

Jogo da roleta que ganha dinheiro? Conheça mais da Blaze Veja mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo